quarta-feira, 27 de setembro de 2017

VIVA SÃO VICENTE DE PAULO!!


FESTA NO MOVIMENTO DE CAPELINHAS!!

JUBILEU 80 ANOS MOVIMENTO DE CAPELINHAS

Outubro: "Mês das crianças, Mês do Rosário,  em especial um Mês Missionário a ser dedicado ás Missões, em tempos de Reflexão, com o Ano Mariano" onde o espirito nos impulsiona á comunicar um grande evento para ser comemorado no próximo dia 28 de outubro na Paróquia São Pedro, no bairro Umbará, com as festividades em comemoração aos 80 anos de aniversário do Movimento de Capelinhas da Arquidiocese de Curitiba.
As festividades dos 80 anos do Movimento de Capelinhas, terá inicio ás 13:00h e será um momento único, forte, com espiritualidade com a leitura orante, terço meditado com a entrada de 80 capelinhas, representando os 80 anos do movimento de Nossa Senhora na arquidiocese de Curitiba, com encerramento com a Santa Missa, com término ás 17:00h.
Ação Social: Como gesto concreto a Diretoria do Movimento de Capelinhas, na coordenação de Josiane Andrade, pede a sua doação para atender as entidades que atende as pessoas carentes da grande Curitiba e região.
Casa Pró Vida: Mãe Imaculada ( Fraldas descartáveis e roupinhas infantis)

Hospital Erasto  Gaertner ( Fraldas Geriátricas, tamanho M e G, panos de chão, copinhos descartáveis, papel sulfite)

AFECE: Associação Franciscana de Educação ao Cidadão Especial. 
(Sabão em Pó, álcool 70, Sabão em barra, Esponja Multi-Uso, Saco de Lixo reforçado 100 lts, Fósforo com CX 200 UN, Toca descartável, Mascaras, sabonete liquido, Copo descartável 180 Ml, Luvas descartáveis) 
No vídeo á cima, mensagem do Assessor Eclesiástico do Movimento de Capelinhas da Arquidiocese de Curitiba, Pe.Regis Soczek Bandil, a todas mensageiras(os) e familiares; Confira a mensagem e Participe você também fazendo parte deste momento histórico.

Local do Evento: Paróquia São Pedro 
Endereço: Rua Nicola Pelanda N° 5000 - Bairro Umbará - Curitiba PR.
Fone: (41) 3348-1612
Matéria: Tarcísio Cirino

"MARIA NÃO PASSA NA FRENTE: NA FRENTE VAI JESUS!!

Agosto mês vocacional, tempo de reflexão: em especial neste domingo da transfiguração do Senhor, onde-se comemora o dia do Padre; a Paróquia Bom Jesus, no Setor Colombo, arquidiocese de Curitiba, comemorou o aniversario de 4 anos de seu nascimento, com Missa, presidida por Dom Amilton, onde os espaços celebrativos da festa do Padroeiro(a), que aconteceu no Ginásio Municipal Marcelo Chiquitti, se tornaram pequenos diante da grande multidão de fiéis cristãos das comunidades da Paróquia Bom Jesus e visitantes das Paróquias do Setor Colombo e de outras localidades, com a presença da Prefeita Beti Pavin de Colombo e outros políticos. 


Pároco: Pe.Tadeu Camilo, não escondeu a emoção e "Alegria da missão" na acolhida aos amigos e fiéis de diversas comunidades, presente na celebração, em especial na acolhida do amigo de todos, o Monsenhor Amilton, que já chamamos de Dom Amilton o Bispo auxiliar da Arquidiocese de Curitiba.
Dom Amilton: Falando como Bispo, lembrou o tempo de sua ordenação sacerdotal, o tempo em que trabalhou nestas comunidades e foi aqui nestas comunidades que aprendi a ser Padre, foi aqui que trabalhei como professor e mais tarde fui ser o Provincial dos Padres Passionistas, e agora Deus-me chama para uma nova missão, mais não tenho dúvida que Maria tem parte nisso; Mais uma coisa Eu aprendi: "Maria não passa na Frente, na frente vai Jesus, Maria empurra atrás, para que sigamos o seu Filho, com Fidelidade e Alegria".
Obs: Selecionamos algumas imagens da celebração do aniversário de 4 anos da Paróquia Bom Jesus, no vídeo á cima, e outras imagens com a homilia de Dom Amilton, publicaremos em breve.  
Uma Paróquia é feita de muitas "Mãos", de nossa parte, Parabéns a toda comunidade Paroquial da Paróquia Bom Jesus, CCPs; os amigos da comunicação, em especial o Pároco: Pe. Tadeu Camilo; a todos(as) um abraço fraterno, e Parabéns pelo bélo trabalho, nestes 4 anos.
Matéria: Tarcísio Cirino

domingo, 17 de setembro de 2017

NOTA FALECIMENTO: DOM IZIDORO KOSINSKI

A Congregação da Missão Província do Sul , comunica a todos o falecimento de Dom Izidoro Kosinski, CM às 20:45 desta noite, 15/09/2017. Os funerais serão realizados na Igreja São Miguel em Tomás Coelho - Araucária, PR. A missa de corpo presente será amanhã (16/09/2017) às 15 h. Em seguida sepultamento.
**********
Dom Izidoro foi exemplo de pobreza, humildade e simplicidade. Como bispo, na Diocese de Três Lagoas, continuou sendo seguidor da pregação e exemplos de São Vicente de Paulo - defendendo os direitos das classes menos favorecidas, operários e índios. " A má distribuição da terra, em poder de grandes latifundiários e a questão indígena eram as grandes questões que exigiram o trabalho dedicado da Igreja, em Três Lagoas", comentou um dia dom Izidoro. Gratidão a Deus por sua vida...

Fonte Texto: Pe.Eliseu Wisniewki CM

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

COMUNICAMOS NO AQUÁRIO

Amigo!! Os seus amigos, são meus "amigos"; os meus amigos são seus "amigos", e todos nós juntos vivemos esta grande aventura de comunicar para nós mesmo, nesta comunidade  tribal que chamamos de rede social, neste "Aquário".
Sabemos que uma comunicação institucional romantizada, gera Status e aplauso de todos no aquário, mais no final morremos sufocados trocando figurinhas entre nós mesmo.
Por isso decidi: "Sair do aquário e interagir com a sociedade em águas mais profundas; conheço ás consequências, mais não estou preocupado, afinal para nós morrer é lucro." 
Texto: Tarcísio Cirino  

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

ONDE FOI QUE A GENTE ERROU? TODOS NÓS SOMOS IMPRENSA!!


Exclusivo: Estamos publicando dentro da ótica da igreja, a 1° parte de um vídeo documentário, feito em duas partes, que registra  os "Desafios da Comunicação";  Onde jornalistas da Globo, Radialistas, Professores de Universidades, Bispos, Agentes de Pastorais e representantes do Vaticano, nos ajuda a compreender a aldeia em que todos estamos inseridos, com uma análise critica da comunicação, neste 10° Muticom 2017, que aconteceu na cidade de Joinville SC, nos dias 16 á 20 agosto, com cerca de 800 comunicadores de todas regiões do Brasil. O evento teve como tema:  Educar para a Comunicação. 


domingo, 10 de setembro de 2017

ENTREVISTA COM OS NOVOS BISPOS DE CURITIBA.




GIRO DE NOTÍCIAS QUE MARCOU O FERIADÃO.


O feriado  que antecedeu a Festa da Padroeira da Luz, foi marcado com as  lideranças das Pastorais Sociais e Movimentos, comprometidos com o seguimento cristão, na capital do Paraná, indo para a rua neste feriado da "Independência" promover o 23° Grito dos Excluídos(as), com o Tema: "Vida em primeiro Lugar - Por Direitos e Democracia a Vida é todo dia", com uma reflexão cristã e mensagem  forte, que marcou á todos(as).

Participaram da caminhada sacerdotes, seminaristas, religiosas, lideranças leigas e o Povo de Deus, com saída ás 9:00h da manhã da Paróquia São João Batista no bairro Rebouças, com caminhada passando pela Vila Torres, com encerramento de frente a Praça do Jardim Botânico na Capital Paranaense.

 O ponto mais alto do feriadão com as festividades da Festa de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, aconteceu na Sexta-Feira dia 8 de Setembro, com Missa de Ação de Graças ás 10:00h da manhã, com acolhida dos 2 (dois) novos Bispos da arquidiocese de Curitiba, Dom Amilton Manoel da Silva e Dom Francisco Cota Oliveira, que momentos antes da Missa de acolhida, concedeu  uma coletiva a imprensa, que você pode conferi no vídeo á cima,  onde os novos Bispos fala dos desafios e trabalhos que a partir de agora terá pela frente, junto ao Povo de Deus com a orientação do arcebispo Dom José Antonio Peruzzo.

 O Regional Sul 2 CNBB,  através de Dom Mauro: fez acolhida dos novos Bispos, em nome de todos os Bispos do Paraná, e Bispos visitantes de outros Estados.

Pe.Rivael de Jesus; Em nome do Clero da arquidiocese de Curitiba, diocesano,religioso com mais de 450 sacerdotes fez acolhida dos novos Bispos, com uma breve reflexão pedindo ajuda a Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, que é a nossa intercessora desde os tempos coloniais, para a necessidade de concretizar a formação permanente do clero e que ajude aplicar o Plano de Ação Evangelizadora da Igreja do Brasil, para uma Pastoral de Futuro, para que os Padres possa levar  respostas a muitas perguntas que já mudaram.

A Missa na integra você pode conferi no Facebook: "Noticias da Igreja, Missionários em Ação".

Matéria imagens: Tarcísio Cirino    

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

7° EREN: ENCONTRO DA REGIÃO EPISCOPAL NORTE.



IMPERDÍVEL!! Neste domingo dia 17 Setembro, acontece o 7° EREN: Encontro da Região Episcopal Norte, com todas lideranças vivas e sacerdotes da região.

O evento tem inicio ás 14:00h, no Colégio Marista Santa Maria, no bairro São Lourenço; Rua São Joaquim n° 98, com encerramento ás 17:00h. 

O QUE VIMOS E OUVIMOS ISTO VOS ANUNCIAMOS!!


II MUTIRÃO DE COMUNICAÇÃO PARANAENSE 2017.
As dependências e espaços do auditório da FAE - Centro Universitário e Colégio Bom Jesus, no coração da capital paranaense foi enriquecido com uma grande participação dos catequistas, equipes de liturgia e jovens da grande Curitiba e região metropolitana, com os agentes da Pastoral da Comunicação do Regional Sul II CNBB, e presença das lideranças da PASCOM (Arqui) Diocese  das Paróquias do Paraná, e outros agentes de Pastorais e movimentos, com uma bela participação de profissionais da Rede Evangelizar e outras emissoras do seguimento cristão católico, com presença bastante significativa de Padres de diversas Localidades.
 O evento teve inicio na última sexta-feira dia 7 de Julho, com a presença e trabalhos de Pe.Edson K.M Odaquari (Espiritualidade), Sergio Silva (Locutor), Hudson José ( Evangelizar), Daniel Goldri Junior, Prof: Jair Passos, Antonio Kayser, Jorge Teles, Pe. Mário Spaki ( Secretário Regional Sul II), Frei João - FAE, Frei Rogério Soares, Pe. Joãozinho SCJ, dom José Mário Angonese, dom José Antonio Peruzzo, com encerramento na Missa presidida pelo bispo referencial da Comunicação no Paraná, dom Antonio Wagner da Silva SCJ, neste último domingo 9 de Julho de 2017.
Dom José Mário Angonese: Fez abertura do II Mutirão de Comunicação Paranaense, afirmando que a igreja olha com muita atenção este evento e espera-se muito da Pastoral da Comunicação, pois a igreja reconhece a força que as grandes mídias exerce em nosso meio, mais a igreja percebe também o potencial que tem a PASCOM, através das redes sociais, onde pode divulgar os trabalhos das Pastorais e Movimentos, através da boa nova e a Pastoral da Comunicação tem a missão de comunicar e pode promover a unidade da nossa Igreja.
Dom Antonio Wagner SCJ: A caminhada da Pastoral da Comunicação nas diversas dioceses do Paraná, foi árdua e neste momento vemos com muita alegria este II Mutirão de Comunicação Paranaense, pois se olharmos para as diversas Paróquias distantes nas dioceses do Paraná, vemos com alegria o exito neste momento o  sucesso da Pastoral da Comunicação no Paraná e isso mostra que o amanhã será muito bonito na evangelização. 
Pe.Mario Spaki: Para o secretário do Regional Sul II CNBB, a Pastoral da Comunicação(PASCOM) nos últimos 5 anos, vem-se expandindo bem e agora já é hora e precisamos olhar para frente com foco na sociedade pois ainda estamos comunicando para nós mesmo em um Pesk e Pag, e já é momento de sairmos do aquário com uma comunicação voltada a sociedade.
Jorge Teles: Se solidariza com dom Wagner e Pe.Mário Spaki, com a caminhada da Pastoral da Comunicação nos últimos (5 anos) no Paraná e vê com alegria este evento que é o maior evento de comunicação no Paraná, e a igreja do Paraná é rica em comunicadores.
Frei João FAE. O Grupo Educacional Bom Jesus é uma rede de 35 escolas e também inclui a FAE, e tem por missão comunicar valores, posturas e condutas comportamentais através do evangelho de Jesus Cristo, sob a inspiração de São Francisco de Assis; Na atualidade tanto a escola quanto a igreja, tem a necessidade de investir na Pastoral midiática, considerando que no momento atual a mídia produz a revolução de um novo modo de ser dentro de nossas famílias e dentro da comunicação midiática a igreja precisa ter uma comunicação partindo de Jesus Cristo que produza a evangelização.
Antonio Kayser: Coordenador da PASCOM, arquidiocese de Curitiba, acolheu a todos(as) e explicou a logomarca do II Mutirão de Comunicação Paranaense.
Hudson José ( Rede Evangelizar): Realizamos uma série de mudanças no marketing da emissora, jornal, redes sociais, e diante das mudanças que foi realizado na obra em poucos anos a Evangelizar será uma das principais Rede de Comunicação no Brasil a exemplo de outras grandes emissoras.
Prof.Jair Passos: Trabalhou a postura do comunicador no palco e a maestria na arte de comunicar na essência do processo da comunicação.
Motivação: As palestras com Daniel Goldri Junior, Frei Rogério Soares, Pe.Joãozinho SCJ, estaremos publicando na sequência do vídeo a cima.
 Dom Peruzzo (Homilia): Durante a homilia do sábado 8 de julho o arcebispo  de Curitiba, lembra que o Comunicador de hoje, o Comunicador de nosso tempo não basta a competência comunicativa e locucional?? É preciso compreender os sinais de Deus e sua presença, pois os fariseus não perceberam que o tempo novo tinha chegado e em tempos tão variados em que-se busca a Pós-Verdade, semelhantes a verdade onde se comunica falsas verdades com muita técnica; quem comunica o evangelho de Jesus Cristo precisa ser muito técnico para perceber onde Deus possa ser encontrado,  e há que se lutar por duas frentes,  para fora para anunciar bem e para dentro para perceber tudo e a isso se chama "Sabedoria, e que o Espirito de Sabedoria Qualifique e Inspire Nossas Mentes neste 2° MULTICOM." 
Texto matéria: Tarcísio Cirino ( 10-07-2017)

PERDI O MEDO DE SER CRISTÃO!!

ESTOU ME CONVERTENDO!!
Éramos crianças e como crianças, adolescentes em um momento histórico nossos olhos viu nascer  no interior do Paraná a renovação no jeito de produzir energias limpas através das águas do Rio Paraná, com a construção da hidrelétrica ITAIPU, e as promessas do governo de prosperidade para as futuras gerações e riquezas para os povos do Brasil e países vizinhos.  Vi de meu habitar, conhecido como o ninho das cobras a luta eclesial de comunidades protestar que estas mudanças, expulsaria as famílias do campo, pequenas cidades desapareceria do mapa com suas histórias e suas heranças de Fé, e os mais pobres jamais-se beneficiaria das riquezas produzidas nas águas do Rio Paraná, e muito mais tarde "Vi" novamente o contexto se repetir com greve de fome contra o projeto de transposição do São Francisco.
Éramos jovens e na capital paranaense e no Brasil as comunidades eclesial de base tinha "Força" e ensinava a pensar?? E isto trazia sonhos, os sonhos de uma vida melhor que nos foi tirado dos campos da pequena cidade onde nascemos, crescemos e vimos o sofrimento de nossa gente. Vi pela primeira vez um Papa visitar o Brasil, e ainda posso escutar a sua voz "O Brasil precisa de santo o Brasil precisa de muitos santos"; e a partir dali começávamos a compreender que ser santo era ficar do lado dos injustiçados e ir até as ultimas consequências sem medo, pois Deus caminhava ao nosso lado o lado dos pobres, povo de rua, sem teto etc, e renascia através dos jovens, pensadores,religiosos(as), movimentos sociais , Pastorais sociais comprometidas com as classes sociais,  o  sonho de construir o Reino de Deus.
Éramos leigos e adultos, trabalhando e sofrendo pela causa dos mais pobres, e como mensageiros levando e comunicando a boa noticia do evangelho a todas classes socais  "Vimos carreiristas recém ordenados" sem nunca trabalhar em uma Pastoral, Movimento ou Paróquia, assumir coordenações Pastorais a nível de (Arqui) dioceses no Brasil, e articular linha de renovação na evangelização, através de perseguição a teólogos, levando Pastorais Sociais e Movimentos a UTI.    
Somos hoje um Moço velho; E somos convidados abandonar o amigo "velho", as velhas estruturas que já não produz frutos, por falta de "adubo", para dar espaço a renovação os novos meios de evangelização e isto é bom? Penso que é chegado a hora de nos deixar ser conduzidos por um processo de conversão, conforme nos pede o Papa Francisco, de nos colocar em saída, para as periferias existenciais e isto requer sim de nós uma conversão Pastoral e diante desta conversão, precisamos deixar de vangloriar que somos católicos, e passando pela conversão Pastoral,   com a força do "Espirito Santo" que motivou a igreja desde o inicio, precisamos caminhar sem medo da perseguição, sendo fiel a missão através do testemunho , e sendo nós Cristãos.
Texto: Tarcísio Cirino ( 15-07-2017)

sábado, 2 de setembro de 2017

LIDERANÇAS: QUANDO VOCÊ FALA AS PESSOAS TE ESCUTAM?

No último domingo 30 de julho, o diretor geral da Faculdade Vicentina: Pe.André Marmilicz CM, trabalhou com muita técnica e maestria o último encontro do ano de 2017, do curso bíblico na Escola Jesus de Nazaré, com o tema: Liderança servidora com parte dos agentes de Pastorais e movimentos do Setor Colombo na Paróquia Missionária de Santa Cândida, onde foi conferido o certificado de conclusão do curso da  Escola Bíblica, á 87 agentes de Pastorais e Movimentos, que concluíram com 75% de presença as disciplinas  durante o ano de 2016, 2017 e receberam o certificado da FAVI, através do diretor geral da Faculdade Vicentina.
O curso teve inicio no dia 31 de Julho de 2016, com os seguintes professores: Pe. José Carlos Fonsatti, Luiz Alexandre Rossi PUC, Pe.Marcial Maçaneiro, Frei Alessandro Mário Farinasso, Pe.Antonio Carlos Iancoski Portes, Dom Jose Antonio Peruzzo, Luiz Balsan, Pe.Carlos Luiz Bacheladenski, Pe.André Marmilicz.
Diante da felicidade de agentes de Pastorais e movimentos que nunca tiveram a oportunidade de ter acesso a formação em uma Faculdade e receber um certificado, os agentes de Pastorais, solicitaram ao diretor da Faculdade Vicentina, que continue com a Escola de Formação, para o bem das futuras gerações onde as lideranças no seguimento cristão, possa através do conhecimento e a experiencia na pessoa de Jesus Cristo, construir o Reino de Deus.
Pe. André Marmilicz CM, após ouvir as lideranças e realizar a entrega dos certificados, concluiu declarando a todos que a Escola de Formação de Lideranças continua e terá inicio a partir de março de 2018.
No vídeo a cima selecionamos imagens de alguns momentos da formação do último encontro com a entrega dos certificados, que registra um pouco deste momento histórico da 1° etapa da Escola Jesus de Nazaré.
Parabéns a todos professores,lideranças que trabalharam para o sucesso da Escola de Formação para Lideranças.
Matéria: Tarcísio Cirino 

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

CNBB PROMOVE: SIMPÓSIO MARIOLÓGICO ECUMÊNICO

No atual contexto da celebração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida no Rio Paraíba do Sul e dos 500 anos da Reforma Protestante, a Comissão para o Ecumenismo e o Diálogo Inter-Religioso da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Comissão de Diálogo Bilateral Católico-Luterano, em parceria com o Núcleo Ecumênico e Inter-Religioso da Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) promovem entre os dias 1 e 3 de setembro, em Curitiba (PR), o Simpósio Mariológico Ecumênico.

Na programação, além das conferências proferidas por doutores teólogos, membros da Comissão de Diálogo Bilateral Católico-Luterano, o simpósio contará também com duas conferências que serão ministradas pelo presbítero e doutor Hubertus Blaumeiser, teólogo alemão, professor em Roma, especialista na Teologia de Lutero.

As inscrições podem ser realizadas no site da Instituto de Ciência e Fé da PUCPR acesse o link abaixo:

http://cienciaefe.pucpr.br/evento/simposio-mariologico-ecumenico/